22 de abril de 2018

Experiências Maternas Compartilhadas

Compartilhar experiências maternas tem sido cada vez mais frequentes. Vejo atores sociais maternos compartilhando experiências o tempo todo em redes sociais, blogs, etc. Mas de fato para que serve essa experiência compartilhada da maternidade. 


Bem, posso dizer que compartilhar experiência do mundo materno nem sempre é bem visto por algumas mães, principalmente se for mãe de primeira viagem. Isso é super normal, já é aquele empoderamento maternal que bate logo no início da gravidez onde a gente quer escrever nossa própria história sem copiar a de ninguém. 

Eu vejo bem positivo a troca de experiências maternas, principalmente aquelas de parto, amamentação, puerpério e até as educacionais. Eu por exemplo, sou mãe de três. Eu poderia dizer que, o que não me falta é experiencia, porém, digo o contrário. Mesmo acumulando boa trajetória de mãe de meninas e menino ainda vejo que ainda não vivi todas as experiência desse universo chamado maternidade. Tem coisas que surgem do inesperado. Eu já compartilhei algumas aqui. Exemplo quando minha filha não quis ir pra faculdade, foi um choque, nunca havia me passado pela cabeça que ela poderia não querer ter aquela experiência naquele momento, e assim tive outras e ainda tenho. 

Então mamães, futuras mamães quando uma mãe vier lhe contar uma experiência ouça. Talvez não caiba na sua vida, mas caiba na vida de uma outra mamãe e pode ter certeza você vai aprender algo e se um dia se deparar com uma situação semelhante você vai ter uma experiência par se inspirar. 

Aqui em nossa cidade já tem um grupo de mamães fazendo isso, achei super legal a iniciativa. Já tem esse blog momys he he.

Acho que tudo que nos desenvolve e melhora nosso cotidiano é válido. Se você é a favor do compartilhamento de experiências maternas, relatos e desabafos dê sua opinião aqui nos comentários. ↓
Topo